É essa a conclusão a que chego, ao dar uma volta pela blogosfera. Com toda a tranquilidade são afirmadas barbaridades extremistas, tanto à esquerda quanto à direita.  Há comunistas a louvar Fidel com a mesma tranquilidade com que nazis louvam Hitler. Por todo o lado está instalada uma espécie de estupidez selectiva, em que só lemos (e dizemos) aquilo que nos interessa e omitimos deliberadamente aquilo que não nos convém. Auschwitz é uma invenção ocidental; e o Gulag soviético foi apenas um mal-entendido. A Coreia do Norte é um dos mais prósperos e acolhedores estados do mundo, na justa medida em que o Chile de Pinochet também o era. 

Extremismos de esquerda e extremismos de direita: são todos iguais.

Nos próximos dias voltarei ao tema. 

4 thoughts on “Auschwitz e Estaline nunca existiram

  1. Steve

    pois é.. e “deslizes” da “suprema democracia” dos EUA são mal entendido!!! as pessoas presas por protestar contra guerra lá na verdade são “vagabundas”… a morte de inocentes nos corredores da morte também fantasioso!!!
    ha pessoas q louvam de maneira extrema a “democracia”, independente das falhas q ela tenha…
    elas tambem mereciam ser postas na lista

  2. Steve

    extremismo de “democratas” tb são “sociais”

  3. Steve

    tem +!!! Os “deslizes” da igreja são “perdoaveis”, mas dos ateus, anarkistas,laicistas,socialistas não…
    igreja aliada de hitler é “invenção dos judeus e ateus comunistas pra difamar a santissima igreja”.

Leave a reply

required

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.