Governo vai gastar 100 mil euros por ano com formação Microsoft nos centros de emprego

Os desempregados que estão inscritos nos centros de emprego do Instituto do Emprego e Formação Profissional vão passar a ter acesso a certificação Microsoft. O Governo vai alocar 100 mil euros por ano com este protocolo, que foi assinado hoje em Lisboa.

http://www.dinheirovivo.pt/Emprego/interior.aspx?content_id=3938927

 

“Com este programa, queremos uma média de 12 mil pessoas por ano a terem uma certificação profissional que é muito importante e abre portas no regresso ao mercado de trabalho”, disse o ministro da Solidariedade, Emprego e Segurança Social, Pedro Mota Soares, depois da assinatura do acordo.

Isto significa que o programa Microsoft Academy estará disponível nos 30 centros de formação do IEFP em Portugal. Este ano, o protocolo custará 50 mil euros ao Estado. Em 2015, terá um custo de 100 mil euros.

“As tecnologias são um segmento muito importante, pelo que significam de empregabilidade e de requalificação profissional”, acrescentou o ministro. “Temos muitas vezes pessoas com menos formação, menos qualificação, ou com uma qualificação que o mercado não consegue absorver.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.